| A Revista dos Esportes Equestres |
06/04/2017 - 21h04min
Em 2016, a ABQM chancelou e realizou mais de 550 eventos esportivos, em 22 modalidades, em todo o país

Fonte: abqm.com.br       Foto: Dom Barbosa


 Parque de Vaquejada Mãe Lucila em Santa Inês (MA)

O cavalo ocupa uma posição de destaque no Agronegócio. Segundo o IBGE, o setor avança 12% ao ano e fatura R$ 16 bilhões. Segundo o Ministério da Agricultura, houve forte crescimento da criação de equinos voltada para o público urbano, tanto para lazer quanto para os Esportes Equestres, contribuindo para o turismo em diferentes localidades. O MAPA aponta ainda que os cavalos são responsáveis por movimentar a indústria de medicamentos e ferragens, até cosméticos e acessórios. Junto com este consumidor, cresce também o número e tamanho dos eventos, como provas de Tambor, Baliza, Vaquejada e tantos outros. Em todo o país, o cavalo Quarto de Milha - com 515 mil animais registrados pela ABQM - é responsável pela realização de grandes campeonatos. "Em 2016, a ABQM chancelou e realizou mais de 550 eventos, em 22 modalidades, gerando oportunidades de emprego e renda para milhares de pessoas. E a tendência para este ano é de crescimento", informa o presidente da associação, Fábio Pinto da Costa. No ano passado, o mercado do Quarto de Milha apurou mais de R$ 238 milhões, somente em leilões apoiados pela ABQM. As competições são a razão desse sucesso. "Os Esportes Equestres são a mola de propulsão da raça e da indústria do cavalo. Os animais participantes das provas de Vaquejada, Tambor e Corrida foram os que atingiram maior valorização. Só a Vaquejada responde por 4 mil provas, 700 mil empregos e receita de R$ 800 milhões ao ano", destaca Fábio.

PEC estabelece que não são cruéis práticas desportivas com animais.

Em fevereiro deste ano, o Senado aprovou em dois turnos uma Proposta de Emenda à Constituição (PEC) que permite a realização das Vaquejadas. A PEC 304/2016 muda o artigo 225 da Constituição, que trata do meio ambiente, para descaracterizar a prática de crueldade associada aos Esportes Equestres, estabelecendo que não são cruéis as práticas desportivas que utilizem animais, desde que sejam manifestações culturais. O texto será avaliado em dois turnos. Votação já está prevista para o dia 10 de maio, na Câmara dos Deputados. Para ser aprovada, a PEC precisa do apoio de três quintos dos deputados (308 dos 513).

 

 

 

 


Bookmark and Share

Últimas notícias
16/07/2017 - 21h07min
1o QM Maranhão e Shopping dos Cavalos movimenta os quartistas...
11/07/2017 - 15h07min
Deputado Vinicius Louro é homenageado na Vaquejada do Parque Maratá em Trizidela do Vale...
10/07/2017 - 10h07min
Evento tem como premissa fomentar o mercado da raça Quarto de Milha no Estado do Maranhão ...
05/07/2017 - 09h07min
Texto foi aprovado em caráter terminativo pela Comissão de Educação, Cultura e Esporte ......
09/04/2010 - 17h04min
A Revista Vaquejada&Cia mostrará todas as emoções das seis etapas do milionário Circuito Brahma Fresh de Vaquejada...
16/04/2010 - 17h04min
Confira a classificação do Circuito Brahma Fresh após a primeira etapa...
12/04/2010 - 11h04min
Vaquejada do Parque Dois Irmão encerra Circuito Bahia ...
23/06/2010 - 12h06min
Parque Expedito Galvão abrirá Circuito Maranhense de Vaquejada 2010...